sexta-feira, 27 de junho de 2014

Nichos/ Casal de Então









- já entendeu a tristeza de hoje?
- quase lá. quase nada.
- escorre de uma lonjura e largueza duras demais.
- parece.
- tem dia que não chega, né?
- hoje não quer chegar.
- sabe que ontem eu vi que dava pé. o dia. então fui e comprei tomates.
- ontem foi de chegar de chegada característica. quase contente. foi ontem foi.
- fiz um tanto bom de molho. sabe? para os dias que não. estamos garantidos.
- que há com hoje?
- dia vagabundo. chega nem a ser triste de verdade.

só então, bem então, o casal saberia que o dia jamais viria a ser, chegar, postar-se entre os outros dias, os que chegam. mas não houve lamentação. ou alguma. bem pouca. se abraçaram, tomaram o molho com um naco de vodca e um talo de salsão. copularam e então copularam mais um pouco. então um nome deitou-se sobre o outro nome. entonces. eram entonces. era quase satisfeito o casal de entonces.







§§§







TUMBLR

§ larCavoDica § 












FACEBOOK 








Nenhum comentário:

Postar um comentário