segunda-feira, 23 de julho de 2012

NICHETINHAS/ ninguém é de ninguém – 2




De nuas costas
beberemos uma jarra de quê?
Suaria se não, babaria se sim. Sim,
gostaria de beber contigo alguma coisa muda.
Coisa sem inteligência alguma, sem as penugens da barbuda filosofia.
Então nunca mais rezingarei das utopias propostas pela tua boca, tão idiota essa boca estúpida.
De nuas propostas
beberemos uma jarra de quê?









§§§






   Inda 12 nichos na Revista Mallarmargens!

   E saidinha e saidinha do forno a Revista Cruviana (pronta para baixar AQUI) com Cruvianadas em ásperas linguadas de contos, fotografias e desenhos, meus e dos falsários comparsas lá do Poesia: Falsidade Ideológica.

Um comentário:

  1. também quero comer o mudo, beber o mundo, ouvir o mudo, calar o mudo.
    também.
    beijoss

    ResponderExcluir